Fique Atento(a) você será notificado(a) da abertura das inscrições deste evento.

Road Bike

“Poucos objetos utilizados pelos seres humanos originaram uma revolução tão grande nas convenções sociais como a bicicleta”.

Assim como muitas outras, a invenção da bicicleta é algo difícil de precisar no tempo. Os antigos egípcios, através dos seus hieróglifos, já idealizaram um veículo de duas rodas, com uma barra sobreposta. Os desenhos foram encontrados em vasos, murais e relevos.

Em aproximadamente 1490, Leonardo da Vinci desenhou o projeto de um veículo com duas rodas, selim, sistemas de direção e propulsão por corrente. Pelo projeto, descoberto apenas em 1966, por monges italianos, percebe-se que o posicionamento do eixo de direção fazia a bicicleta dobrar no meio, tornando difícil manter o equilíbrio.

Em um museu alemão, há um modelo chamado bicicleta de Kassler, datada de 1761. Sua origem é desconhecida, e os franceses alegam que a bicicleta foi importada da França.

“Poucos objetos utilizados pelos seres humanos originaram uma revolução tão grande nas convenções sociais como a bicicleta”.

Assim como muitas outras, a invenção da bicicleta é algo difícil de precisar no tempo. Os antigos egípcios, através dos seus hieróglifos, já idealizaram um veículo de duas rodas, com uma barra sobreposta. Os desenhos foram encontrados em vasos, murais e relevos.

Em aproximadamente 1490, Leonardo da Vinci desenhou o projeto de um veículo com duas rodas, selim, sistemas de direção e propulsão por corrente. Pelo projeto, descoberto apenas em 1966, por monges italianos, percebe-se que o posicionamento do eixo de direção fazia a bicicleta dobrar no meio, tornando difícil manter o equilíbrio.

Em um museu alemão, há um modelo chamado bicicleta de Kassler, datada de 1761. Sua origem é desconhecida, e os franceses alegam que a bicicleta foi importada da França.

Sem dúvida, a bicicleta é uma das grandes invenções do ser humano. Ela permite que diferentes pessoas demonstrem seu estilo. Alguns a usam para o cicloturismo, outros para o ciclismo extremo urbano. Muitos utilizam a bicicleta de forma casual, para se locomover em pequenos trajetos, até a escola ou ao trabalho. Também surgiram várias modalidades de competição, que focam a velocidade ou as manobras, e revelam verdadeiros artistas sobre duas rodas. Na gíria das diferentes localidades e classes sociais, a bicicleta ficou conhecida como magrela, zica, camelo. Com a globalização, o termo inglês “bike” passou a integrar o nosso vocabulário.

Hoje, a bicicleta tornou-se símbolo de mobilidade sustentável. É um meio de transporte saudável, prazeroso, eficiente, ecologicamente correto, democrático e acessível.
Uma ótima maneira de promover a saúde e o lazer em um passeio ciclístico exclusivo da Índole Society.
Podemos contar com você?